Novo Banco pode ganhar muito peso na SAD

Novo Banco pode ganhar muito peso na SAD

Novo Banco deve impedir hoje prolongamento por dez anos do pagamento das VMOC, forçando Sporting ao pagamento de 27 milhões de euros no próximo dia 17 ou ceder posição de acionista maioritário da sociedade, ficando com menos de 50% das ações

A AG da SAD do Sporting marcada para as 18h30 desta sexta-feira deve ditar a perda da maioria da sociedade que gere o futebol dos leões por parte do clube de Alvalade que, mesmo continuando a ser o maior acionista daquela empresa, ficará aquém dos 50% dos títulos.

Ao que tudo indica, o Novo Banco estará na disposição de inviabilizar o prolongamento por dez anos do pagamento de VMOC (Valores Mobiliários Obrigatoriamente Convertíveis), pelo que converterá em ações o empréstimo obrigacionista, reforçando a sua posição na SAD. Uma situação a acompanhar na tarde desta sexta-feira em que decorre a reunião magna de acionistas em Alvalade.