Candidatos derrotados repudiam incidentes em Alvalade

Candidatos derrotados repudiam incidentes em Alvalade

Bruno de Carvalho, Dias Ferreira, Pedro Baltazar e Abrantes Mendes uniram vozes para condenar agressão a Daniel Sampaio, vise-presidente da Mesa da Assembleia Geral, na sessão de esclarecimento aos sócios.

Em documento conjunto, assinado por Bruno de Carvalho, Dias Ferreira, Pedro Baltazar e Abrantes Mendes, os candidatos derrotados por Godinho Lopes nas eleições de março de 2011 emitiram um comunicado em que condenavam os incidentes na sessão de esclarecimento promivida pela Mesa da Assembleia Geral em Alvalade, no âmbito da reunião magna extraordinária marcada para 9 de fevereiro, para votar a destituição do Conselho Diretivo.

"Face aos lamentáveis acontecimentos de hoje, no Estádio José Alvalade, durante a conferência de imprensa promovida pela Mesa da AG do Sporting Clube de Portugal, vêm os signatários repudiar de forma veemente o ocorrido, condenando qualquer tipo de violação das mais elementares regras de conduta democrática e cívica que devem estar sempre presentes no Sporting", pode ler-se no documento que repudia a agressão a Daniel Sampaio. "Vêm ainda os signatários apelar à calma e serenidade de todos os sportinguistas, permitindo que a Mesa da Assembleia Geral cumpra a sua missão de acordo com o que lhe é estatutariamente imposto e que a legitimidade da audição dos sócios do Clube decorra com a normalidade exigida pelos valores que todos representamos", comunicaram os ex-candidatos.