"Agora há que ganhar a Liga, definitivamente"

"Agora há que ganhar a Liga, definitivamente"

Novamente utilizado no eixo defensivo, Miguel Layún garante que dará sempre o máximo, independentemente da posição em que atuar e agradece a confiança de José Peseiro.

Confiança: "Só posso estar agradecido pela confiança que tenho do mister, a fé que tem depositado em mim e trata-se de fazer sempre o melhor possível. Independentemente da posição, sou sempre o mesmo jogador, com entrega e confiança".

Apoio do México: "Agradeço a todos no México pelo apoio que mostram nas redes sociais. É ótimo para mim ligar o computador e ler as mensagens de carinho de toda a gente".

Prioridade: "Agora há que ganhar a Liga, definitivamente. Será bom aliviar a cabeça, amanhã. Temos um jogo importantíssimo no domingo [Belenenses], e Sporting e Benfica não estão a deixar escapar pontos. Nós também não podemos dar nenhum passo em falso no campeonato».

Seleção: "O mais importante para mim é estar bem aqui [FC Porto], para depois poder ser convocado para a seleção".