FC Porto exige punição severa para Tiago Antunes

FC Porto exige punição severa para Tiago Antunes
Manuel Casaca

Tópicos

Na carta enviada pelo FC Porto a Fernando Gomes, os dragões garantem que o quarto árbitro do jogo de Braga não tem condições para desempenhar as suas funções

O FC Porto não cala a sua revolta e, tal como O JOGO deu conta na edição de ontem, enviou uma carta dirigida a Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol, apelando a uma punição severa para Tiago Antunes, o quarto árbitro do jogo Braga-FC Porto. O juiz da AF Coimbra terá tecido comentários considerados xenófobos no Facebook, em resposta à indignação de um adepto portista.

"O teor das declarações é marcadamente xenófobo, facto que não prestigia o futebol português, as competições e a imagem internacional de Portugal - manchando inclusivamente a imagem positiva de visibilidade internacional de que a Federação Portuguesa de Futebol beneficia", pode ler-se na carta assinada por Pinto da Costa, criticando esses mesmos comentários de natureza xenófoba. "A demonstração de aversão e desconfiança sobre os muçulmanos, especialmente considerando o momento político que vivemos na Europa e no mundo, com constantes manifestações de suspeita e recorrentes associações de pessoas e povos a extremismos e atos terroristas (e que infelizmente também terão chegado ao futebol profissional, como se viu no passado dia 11 de abril com o atentado ao autocarro do Borússia Dortmund) com os quais nada têm que ver, é absolutamente inadmissível", criticam os dragões.

Por não terem dúvidas de que a página no Facebook era mesmo de Tiago Antunes, os dragões falam em falta de isenção do árbitro conimbricense. "Resulta claro das afirmações do senhor árbitro Tiago Antunes que este não possui as competências e capacidades necessárias para o exercício isento, imparcial e independente das suas funções, demonstrando, com o seu comportamento, uma manifesta ausência de probidade, lealdade, retidão e sensatez, características inerentes e essenciais a um correto exercício da profissão de árbitro profissional." Por tudo isto, o FC Porto faz um apelo claro a Fernando Gomes, esperando "uma punição severa" de Tiago Antunes, por entender que este não tem "condições para desempenhar as suas funções".