"A baliza dos adversários do FC Porto assemelha-se às de hóquei em patins"

"A baliza dos adversários do FC Porto assemelha-se às de hóquei em patins"

Amaral, antigo guarda-redes do FC Porto, fala ainda da enorme importância de vencer o Braga no sábado

Quatro empates consecutivos a zero, o que nunca sucedera ao FC Porto, 430 minutos sem acertar na baliza do adversário e o assunto volta a ser a crise portista. "A baliza dos adversários do FC Porto, neste momento da temporada, assemelha-se às de hóquei em "patins", disse Amaral, antigo guarda-redes dos portistas.
Em declarações à Antena 1, Amaral aponta a um pormenor importante. "Os nives de ansiedade são enormes, altíssimos. Mesmo não jogando bem, a equipa esforça-se, luta, mas depois quando até marca mas o golo é invalidado, ou um penálti não é marcado, isso agrava ainda mais os niveis de ansiedade."
O atual comentador questiona ainda a política de contratação dos azuis e brancos. "epoitre não tem condições para jogar no FC Porto, Adrien Lopez foi outro erro. Depois a juventude de Diogo Jota, André Silva, Corona e Oliver Torres não consegue gerir os níveis de ansiedade".