Braga ficou sem Mauro e pisca o olho a duo do Benfica

Braga ficou sem Mauro e pisca o olho a duo do Benfica
Pedro Rocha

Tópicos

Baixa prolongada de Mauro será compensada em janeiro. Minhotos estudam alternativas e têm na mira jogadores do Benfica: Danilo e Celis agradam.

A confirmação de que a época acabou para Mauro, devido a uma rotura do ligamento cruzado anterior do joelho direito sofrida no decorrer do jogo com o Feirense, foi o tiro de partida para o Braga procurar um médio-interior com capacidade para atuar em zonas recuadas. Os responsáveis bracarenses estudam várias possibilidades, encarando com agrado os nomes de Danilo e Guillermo Celis, pontualmente utilizados pelo técnico Rui Vitória. Falta um mês para a reabertura do mercado de transferências, mas é provável que esse interesse já tenha sido manifestado ao Benfica.

São "velhos conhecidos" do Braga, ainda que por diferentes motivos. Contratado ao Vasco da Gama em 2014 por 4,5 milhões de euros, com o patrocínio de um fundo ligado ao empresário Jorge Mendes, Danilo tornou-se incontestável no meio-campo do Braga em 2014/15 e foi cedido na época seguinte ao Valência, com opção de compra fixada em 14,75 milhões de euros. O clube espanhol prescindiria, porém, de avançar para a aquisição do passe e o internacional brasileiro sub-21 mudou-se para o Benfica, também na condição de emprestado, pelo que o eventual regresso à Pedreira, sempre dependente do aval dos encarnados, não implicará qualquer custo extra para a sociedade desportiva para além dos salários. Já o colombiano Celis esteve muito perto de assinar pelos arsenalistas no verão passado... até o Benfica entrar na corrida e vencer ao sprint, acordando com o Junior Barranquilla a transferência do centrocampista por 2,2 milhões de euros. Desejado pelo Millonarios, entre outros emblemas colombianos, conforme já avançou O JOGO, Celis é pretendido desta vez num quadro de empréstimo.