Vieira fala em sinais preocupantes: "Futebol português merece melhor"

Vieira fala em sinais preocupantes: "Futebol português merece melhor"

Presidente do Benfica deixa críticas aos rivais durante um almoço oficial antes da Supertaça.

Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica, deixou este sábado indiretas aos rivais num discurso feito no almoço oficial antes da Supertaça, a ser disputada esta noite em Aveiro com o Vitória de Guimarães.

"Quero neste encontro que assinala o início da nova época, em que mais uma vez os nossos dois clubes disputam um troféu, dando um bom exemplo de como é possível competir mas com respeito mútuo e fair play, abordar os sinais preocupantes com que a nova época se inicia. A violência verbal, o clima de intimidação e ameaças, as suspeitas levantadas sobre todos os agentes desportivos, o absurdo de se ver um clube desprestigiar a principal competição nacional e de fazer pública exibição de informação supostamente roubada a outra sociedade desportiva - tudo isto é lamentável", afirmou.

"Mas tudo isto só acontece - porque existe quem tem pactuado com este conjunto de situações - pela sua inércia e incapacidade para reagir a tempo e horas com a autoridade e a credibilidade que se exigia. Está à vista de todos - quem tem alimentado este clima, para justificar a falta de resultados. Quem quer fazer tábua rasa de tudo o que de bom o futebol português tem realizado, numa escandalosa política de terra queimada de tudo denegrir", continuou Vieira.

"Impõe-se por isso, que talvez tenha chegado o momento das entidades oficiais, do estado e do governo chamarem a si, a procura do encontro de uma solução que permita, que seja uma entidade independente e credível a regulamentar e gerir as principais áreas que requerem independência e autonomia face aos diferentes competidores. Que saiba impor regras claras e transparentes. Impossível é o que se está a passar. A degradação dia a dia da imagem e credibilidade do futebol português para se justificar os maus resultados. A criação de um ambiente de permanente hostilidade entre clubes que a ninguém beneficia e muito menos a esta industria, onde afinal, interessa a todos nós contribuir para o seu prestígio. O futebol português merece melhor", criticou.

"Termino a lembrar que hoje vão estar em campo as duas equipas com melhores resultados na ultima época. Saúdo na pessoa do seu presidente o Vitória Sport Clube e todos os seus adeptos, que do berço da nação, se deslocam a Aveiro para esta competição de campeões. O Sport Lisboa e Benfica regressa às competições oficiais depois de uma época ímpar, em que conquistou o histórico Tetra e o Triplete (o Campeonato, a Taça de Portugal e a Supertaça Cândido de Oliveira de 2016). Nesta maravilhosa e acolhedora cidade de Aveiro, que esta noite seja mais um belo jogo entre dois clubes que fazem questão de manter uma sã convivência e rivalidade", encerrou.