"Ederson? O Brasil pode levar também o Júlio César"

"Ederson? O Brasil pode levar também o Júlio César"

Rui Vitória, treinador do Benfica, comentou a chamada do guarda-redes Ederson para representar a seleção do Brasil, algo que ainda não tinha acontecido na carreira do atleta

Rui Vitória admitiu estar "muito feliz" por Ederson ter entrado nas opções do selecionador do Brasil, sublinhando que, para além do guarda-redes habitualmente titular, o Benfica tem outro brasileiro no banco de suplentes que também dá "todas as garantias".

"Em primeiro lugar, fiquei muito feliz. O Benfica ainda não foi notificado, mas ficámos muito felizes por ele, assim como por todos os jogadores que são chamados para as respetivas seleções. Mas o Brasil pode levar o Júlio César também. Se fossem os dois, o Brasil ficaria muito bem servido", começou por dizer, à margem da conferência de imprensa de antevisão ao encontro da próxima jornada do campeonato, frente ao Feirense.

"A convocatória de Ederson é reveladora do trabalho que o Benfica tem feito com o Ederson, assim como o trabalho de Luís Esteves e, no ano passado, de Hugo Oliveira. Ficámos muito satisfeitos. É um marco importante para um guarda-redes desta qualidade", acrescentou.

Apesar da confiança de Tite em Ederson, Rui Vitória acredita que vai continuar a contar com o atleta no Benfica por "muitos anos". Isto no futebol tudo pode acontecer, nunca se sabe o dia de amanhã. Mas o Ederson tem um longo contrato com o Benfica e espero que fique cá por muitos anos", concluiu.