Campbell aborta por dois milhões

Luís Filipe Vieira não passou dos dez milhões de euros pela cedência definitiva e os dirigentes do Arsenal não baixaram dos 12 milhões

O Benfica bem tentou convencer os responsáveis do Arsenal a aceitar a venda do passe de Joel Campbell, mas uma diferença de dois milhões de euros, apurou O JOGO, revelou-se um obstáculo intransponível que fez abortar o negócio. Luís Filipe Vieira, como o nosso jornal noticiou em primeira mão, subiu a fasquia até aos dez milhões de euros pela transferência definitiva do jogador de 22 anos, mas os gunners não baixaram as suas pretensões dos 12 milhões, tendo o costa-riquenho permanecido no plantel.

O empresário do dianteiro, sem falar em números, confirmou ao nosso jornal que "o negócio não aconteceu porque o Arsenal recusou-se a deixá-lo sair". Em paralelo, Joquim Batica revelou que a SAD encarnada só abdicou das negociações no final da janela de transferências. "Tentámos tudo até ao fim. O Benfica fez tudo ao seu alcance para ter o Joel. O Arsenal lá terá as suas razões", referiu o empresário.