Adeptos do Benfica não perdoam exibição frente ao CSKA

Adeptos do Benfica não perdoam exibição frente ao CSKA

Equipa foi vaiada ao intervalo e na ponta final do jogo.

A exibição do Benfica frente ao CSKA Moscovo, que terminou com a primeira derrota dos encarnados em jogos oficiais esta época, deixou os adeptos visivelmente insatisfeitos.

Nos descontos, quando o desaire já se adivinhava, os No Name Boys, que pouco antes entoaram "eu amo o Benfica" mudaram de discurso e gritaram "joguem à bola", num claro recado à equipa. Logo ao intervalo, os simpatizantes do emblema da Luz não contiveram a frustração e assobiaram os eleitos por Rui Vitória, que receberam palmadas de incentivo de Lourenço Coelho, que estava junto ao túnel de acesso aos balneários. Ao aperceber-se do tom inflamado, Luisão pediu que os 38323 adeptos aplaudissem a equipa e o gesto do capitão para as bancadas foi devidamente retribuído.

Note-se que a equipa de arbitragem liderada pelo espanhol Undiano Mallenco, cuja atuação mereceu contestação das bancadas, foi alvo de uma enorme assobiadela ao intervalo e no final da partida.