Vítor Pereira diz que é indiferente ao castigo do benfiquista

"Luisão? Não é problema nosso"

Publicado
Por Ivan Del Val/Global Imagens
Treinador do FC Porto espera manter ou superar níveis evidenciados em Zagreb e avisa que não é bom esperar pelas segundas partes para resolver.
Vítor Pereira perspetivou o jogo com o Beira-Mar e foi abordado pelos jornalistas sobre outros assuntos da atualidade, como o castigo de Luisão no Benfica. "Se podemos tirar proveito? Felizmente não é um problema nosso e da minha equipa. Não tenho de comentar esse tipo de situação. É-me indiferente e não me cabe resolver", disse o treinador dos dragões.

Notícias Relacionadas
Vítor Pereira está, isso sim, focado na receção ao Beira-Mar e quer que a equipa encare o jogo como o de Zagreb. "No mínimo, o desafio que se coloca é provarmos que temos mentalidade forte para jogar na Liga dos Campeões como para abordar o Beira-Mar com o mesmo nível de exigência. Queremos evidenciar os comportamentos de Zagreb e, se possível, melhora-los", atirou.

De resto, os aveirenses impõem respeito a Vítor Pereira. "Espero um Beira-Mar bem organizado, que vai procurar transições rápidas. O jogo vai depender da abordagem mental com que o fizermos. Temos a experiência do ano passado em que uma ou outra abordagem mais relaxada quase que nos hipotecava em casa o título nacional. Isso tem de estar bem claro na cabeça da equipa. Não podemos esperar pelas segundas partes para fazer o resultado, porque trazem confiança ao adversário e a nós intranquilidade", avisou.

"Vamos procurar fazer golos cedo para depois podermos jogar ao nosso melhor nível", rematou.


Comentários