O JOGO Online

Projeto apresentado esta manhã

Cidade do Futebol custará 10 milhões

Publicado por Pedro Miguel Silva
Complexo estará pronto em 2015 no Vale do Jamor e a FPF já garantiu comparticipações da UEFA e da FIFA no valor de 40 por cento do investimento.
A Cidade do Futebol, um projeto da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) que corresponde à antiga Casa das Seleções, vai nascer em 2014 e custará 10 milhões de euros, 40 por cento dos quais estão já assegurados pelas comparticipações da UEFA (3 milhões) e da FIFA (um milhão), segundo revelou hoje, na apresentação da maqueta, Fernando Gomes, presidente federativo, que teve a seu lado Miguel Relvas, ministro da presidência.

A autoria do projeto é do arquiteto José Paradela, que tem delineado para o Alto da Boa Viagem, no Vale do Jamor, dois núcleos, o primeiro dos quais engloba um estádio com bancada para mil espectadores, três campos de treinos, a futura sede da Federação e ainda um edifício de apoio. O segundo vai incluir dois campos de treino, um pavilhão multiusos e ainda duas unidades hoteleiras.

O investimento na Cidade do Futebol está avaliado em 10 milhões de euros e Fernando Gomes já garantiu 40% desse montante junto da UEFA e da FIFA, para conseguir a restante fatia a FPF vai não só recorrer ao seu "pé de meia" como candidatar-se a fundos comunitários, acrescentando ainda ao bolo as receitas dos jogos particulares da seleção A dos próximos anos.

O caderno de encargos do projeto vai ser entregue até Dezembro de 2013, em Janeiro de 2014 será feira a adjudicação da obra, prevendo-se a conclusão da mesma no prazo de 18 meses, ou seja, em Julho de 2015.